segunda-feira, fevereiro 25, 2013

Deixa.


Deixa-me que te veja,
sei que gostas de ser vista,
sente-se nuvem e passa.
Deixa-me que de ti me vista
Sei que te gostas nua.
Vestida de si
sendo-se sua,
Minha.  

Um comentário: